Saturday, February 23, 2013

Então eu explico




Na quinta à noite fui fazer um workshop de auto-coaching para criativos. O workshop foi realizado no espaço de co-work por uma coach que também é designer, logo senti uma boa energia e a experiência foi sem dúvida muito enriquecedora. 
Estava mais estruturado para quem tem negócio próprio, e a maioria dos participantes eram trabalhadores naquele espaço, mas a verdade é que os de nós que (ainda) não se aventuraram nessa empreitada temos planos, projectos na gaveta, ideias que ainda não são projectos a desenvolver e a explorar. 
E no meio dos exercícios, pensei que o meu foco é essencialmente neste blogue, e em como não sou tão frequente a postar como gostaria, que não ando a fazer aquilo que disse que ia fazer quando o criei (desenhar mais, fazer mais trabalhos criativos, mostrá-los e tentar evoluir). Então no meio de um curto brainstorming acerca das ideias que poderíamos por em prática para ajudar a evoluir o "negócio", a primeira e mais simples foi precisamente, criar a página de facebook. É algo que quero fazer há muito tempo, mas a insegurança, a maior exposição que o facebook permite, assusta-me. Gostava que este blog crescesse, mas ao mesmo tempo é tão pequenino e cozy! Enfim, é interessante enfrentar os medos, e não é que vá desistir do meu emprego para me dedicar ainda-não-sei-bem-ao-quê, mas tenho de perder os medos. 
Então foi aí que a coach nos lançou o desafio: mandem um sms, telefonem a alguém a comprometer-se que numa semana farão um desses items da lista de coisas a fazer. E então surgiu o post anterior, foi a minha maneira de me comprometer, não apenas com uma pessoa, mas com os meus 39 seguidores e visitantes, para não perder a coragem. Por isso, se até 5ª não tiver uma página de facebook do blog aqui divulgada estejam à vontade para me dar na cabeça.

8 comments:

Miss Desastre said...

Estamos cá para te cobrar isso :p
Acho que estou a precisar de estabelecer limites assim para mim própria :(
Acabei de ser um pouco mais incentivada!
Beijinhos :*

Lazy Cat said...

Criar uma página não custa nada. Depois é só ir pondo lá coisas, uma de cada vez, devagarinho.... =)

Analog Girl said...

Assim o espero, obrigada pelo apoio. Uma pessoa sabe que é das coisas mais banais do mundo, mas às vezes esse passo simples custa a dar, porque será?
Força nas tuas conquistas Miss Desastre, desconfio que este é o tipo de coisa que é mais fácil do que pensamos (ainda assim, ando mesmo preguiçosa, confesso) :)

Analog Girl said...

E eu acredito, mas é algo com um certo peso, uma responsabilidade extra que confesso que custa assumir, mas estou nessa! :)
Antes de 5ª espero já ter a página a bombar alegremente! :)

Milk Woman said...

Ehehe....temos mais uma viciada em workshops, e-courses e quejandos! Bem vinda ao clube! E eu cada vez mais faço e sigo e quero aprender (agora devoro livros de web design sem nunca ter postos os olhos em cima) e nunca tenho tempo e nem sei para que lado me virar... A vida é uma canseira.
Ps - o meu blog não tem página no FB porque já tenho a minha pessoal e a do meu "negócio". Divulgo nas duas. Quem sabe um dia, passo a ter mais uma página!

Analog Girl said...

Ahhh mas completamente! Adoro esta constante aprendizagem. Espero conseguir chegar mais longe com toda esta "sabedoria" que acumulo em mim. :)
Já sou fã da tua página ainda antes de ter descoberto o teu blog vê lá...

Milk Woman said...

A sério? E eu a pensar que nem sabias da existência da Tia?! (note to self, perder mais tempo a promover a Tia. Sou terrível a promover-me).

Analog Girl said...

Ah pois é! Tens andado mais caladinha ultimament...
Sugiro que leias bons blogs de marketing para negócios criativos. Têm imensas dicas porreiras. Duas sugestões:
heartmadeblog.com
blacksburgbelle.com

;)