Thursday, September 1, 2011

Baralha e volta a dar




Tenho imensa vontade de experimentar composições com recortes. Fiquei especialmente motivada quando conheci o blog da Brittney Lee, que tem composições fantásticas, e eleva estas técnicas a todo um outro patamar. Adoro os detalhes pormenorizados, o traço tão simplista e muito Disney-like (ela trabalha com a Disney, ainda por cima), e admiro muito a paciência que ela tem que ter.
Ainda estando a anos-luz da técnica dela (e faltando algum material que ainda não comprei), pensei em pegar nas árvores que desenhei no dia do blackout no trabalho. Tinha ideia de as recortar e experimentar misturá-las com outro género de desenho/pintura/técnica.
Lembrei-me de encher o pincel de água e fazer as manchas aguadas com aguarela, misturar algumas cores, vê-las a unir-se e depois, ainda quando estava molhado, coloquei o recorte por cima. Quando secou ficou bem coladinho e lá se mantém. O único problema é que, como era papel de máquina, começou a absorver a água e a tinta e ficou ligeiramente salpicado (aqui não se vê porque a foto foi tirada com a tinta ainda muito fresca). Daqui para a frente vou experimentar papel mais resistente e deixar secar a aguarela um pouco mais. De qualquer maneira, parece-me promissor e apetece-me experimentar esta "técnica" com mais afinco daqui para a frente.

1 comment:

Lazy Cat said...

Isso de a tintar se meter no papel pode ser interessante, se se conseguir criar a transparência onde se quer. Hm.... ideias, ideias.... =)